# Oregairu e a Ascensão dos Solitários

Yo Minna,

Hoje eu vou falar um pouco de um anime que mesmo não tendo chego ao final, merece comentários, e principalmente por ter um dos personagens que é simplesmente um herói para mim, Hachiman Hikigaya.

Yahari Ore no Seishun Rabu Kome wa Machigatteiru ou Oregairu é uma adaptação de light novel, produzido pela Brain’s Base, que por sinal tem feito grandes trabalhos sendo o mesmo estúdio de Durarara!, Tonari no Kaibutsu, Penguim Drum e Kamisama Dolls.

A trama de Oregairu gira em torno de Hachiman Hikigaya um estudante colegial (com olhos de peixe morto ;P), onde logo no primeiro episodio sua “visão de mundo” é claramente exposta quando sua professora pede uma dissertação da vida colegial e ele escreve que a juventude é nada mais que uma farsa e os idiotas que gozam de sua juventude deviam morrer. Preocupada com o garoto e como castigo, sua professora Hiratsuka o integra no clube de voluntários, responsável por atender pedidos de ajuda alheios.Lá ele conhece Yukino Yukinoshita um linda garota responsável pelo clube. Os dois possuem “visões de mundo” diferentes, por isso é iniciado uma “batalha para ver quem esta certo.

Hikigaya – Yukino – Yuigahama

Em meio a esses “pedidos” mais sobre a personalidade dos dois é exposta, no caso da Yukino, mesmo parecendo tão segura ela chega a ser mais solitária que o próprio Hikigaya e por um motivo inimaginável, mas totalmente plausível, ela é incrivelmente sortuda, bonita e inteligente fazendo com que todos se apaixonem por ela. Ao mesmo que parece estranho alguém ser sozinho por isso a explicação dada é completamente plausível, ter uma habilidade ou algo em especial em relação a outras pessoas causa inveja e muitas vezes ódio.

Hikigaya é solitário, e admite isso com orgulho, a exposição dos pensamentos dele passa com clareza a mensagem ” O que há de mal em ser Solitário?”. Não diria que esse é um pensamento errado eu concordo com a maioria dos comentários dele que de certa forma , pelo menos para mim, é uma grande realidade da sociedade e toda sua futilidade. A grande controversa é que na verdade mesmo admitindo ser solitário e na teoria contente com isso, ao longo primeiro episodio e dos subsequentes, nos é mostrado que na verdade ele tentou ser “social” mas os fracassos e os padrões sociais o fizeram mudar de ideia ou “jogaram” ele nesse estado solitário.

Graficamente falando e se comparado as obras anteriores do estúdio, Oregairu não surpreende, me arrisco a dizer que com exceção da ending que tem o melhor design da serie, Oregairu deixa muito a desejar.A Brain’s Base tem um design fabuloso citando principalmente o confuso Penguim Drum, e o maravilhoso filme Hotarubi no Mori e, é até estranho citar essas diferenças se tratando do mesmo estúdio, mas mesmo me baseando em opinião própria acredito que Oregairu esteja atrás em sua composição gráfica.

Também não posso dizer nada quando ao sonoro do anime, visto que quase não o percebi, mas a Opening e Ending não deixam nada a desejar com a musica Yukitoki na opening e ” Hello Alone” (sarcasm?) na ending.

Sendo sincero, quando lí sobre o plot de Oregairu fiquei com o pé atrás, para mim oregairu seria mais um grande clichê, no caso imaginei algo muito semelhante ou exatamente o mesmo de Boku wa Tomodachi ga Sukunai (Hanagai). As duas historias são facilmente comparáveis só que diferente de Hanagai onde os personagens buscam fazer amizades e seu clube é exatamente voltado para isso, Oregairu traz uma visão diferente, trazendo que a mensagem de que não é preciso correr atrás de amigos ou mudar sua maneira de ser apenas para conquista-los , eles naturalmente virão, e até lá que mal faz  ser um tanto solitário?

Oregairu se mostrou forte em uma temporada fraca, é com certeza uma obra a se considerar, ao mesmo que tem seus momentos hilários, ao menos para mim traz uma mensagem séria exposta muito bem.

Lembrando mais uma vez, que são opiniões próprias e pra muita gente eu devo estar escrevendo um monte de besteiras, mas baseado em todo meu conhecimento foi essa minha conclusão.

=D

E o que eu tiro de tudo isso? Somente uma coisa…….EU AMO URSOS!

Anúncios

#EuRecomendo Byousoku 5 Centimeter

Bem hoje vou falar de uma das minhas obras favoritas Byousoku 5 Centimeter, então vamos lá.

Byousoku é dividido em 3 atos, sendo que cada um deles mostra uma época diferente, local e por que não os sentimentos dos protagonistas, Takaki Tohno e Akari Shinohara. Começamos na primavera mais especificamente na cidade de Tokyo onde Takaki e Akari (não lembro idade exata, mas creio que os dois estejam entrando na adolescência) vêem as flores de cerejeira cair, ao ver este lindo fenômeno Akari comenta que a velocidade que as folhas caem é de 5 cm por segundo, os dois então decidem que dentro de 1 ano iriam se reunir para ver as flores de cerejeira caírem de novo.

A partir daí a promessa de se reunirem para ver as flores de cerejeira fica cada vez mais difícil, pois Akari se muda para Tochigi, fato que acaba com Takaki, pois ao menos ao que pareceu pra mim os dois eram de poucos amigos (ou até pelo fato de gostarem de atividades mais calmas), descobriram um no outro semelhanças e se aproximaram cada vez mais, aproximação interrompida por essa mudança de Akari.

Logo após temos o que acontece com Takaki (Nesses 3 capítulos Akari é tratada……como posso dizer……como o foco da coisa toda.)

Resumindo

No primeiro capitulo temos a grande aventura e dificuldade que Takaki enfrenta para cumprir a promessa do encontro em um ano. Falando um pouco sobre design, o primeiro capitulo é um dos que tem as melhores cenas e é aí que vemos a genialidade de Makoto Shinkai, onde cada cena é de se encher os olhos, absurdamente detalhadas e pra época, com qualidade fantástica desde seus traços até efeitos de iluminação, creio que mesmo hoje em dia depois de 4 anos o design bate muito anime por ai e em combo com essa maravilha que é a animação temos a trilha sonora feita por Tenmon que já trabalhou com Shinkai e, outras obras …..E se a animação ficou fantástica a trilha sonora não poderia ter caído em melhores mão. As obras de Makoto Shinkai são minhas favoritas em quesito trilha sonoras justamente pelo fato de na maior parte delas (Acho que todas… não me recordo -.-‘) terem sido entregues a Tenmon.

Cena da Obra

Voltando… Temos então o segundo capitulo onde Takaki já é adolescente, vivendo em Kagoshima e ainda com sua mente focada em Akari e de certa forma tentando manter contato…mas sem saber se deveria ou não contatá-la.. Já nesse capitulo temos o foco em outra personagem, Kanae Sumida, que se apaixona pelo rapaz e tenta de todo modo se aproximar, paixão fadada ao insucesso, pois mesmo ela, inconscientemente, percebe que existe outra no coração dele.

E finalmente o terceiro capitulo, mostra o que houve com os dois (Takaki e Akari) já na vida adulta.

Se fosse colocar em que aspecto os “5 cm” separam os dois em cada episodio, seria:

No primeiro a separação física

No segundo a separação Emocional

Já o que é mostrado no terceiro, é pra muitos algo que não cumpriu seu papel e talvez não tenha….”Honrado” os dois episódios anteriores…….

Explicando:

O primeiro em meu ver é de longe o melhor de todos de alguma forma gostei da “batalha” de Takaki para cumprir a promessa, e o capitulo segue num ritmo perfeito, onde é possível acompanhar todos os fatos na maior clareza, nem lento nem acelerado… Perfeito.

O segundo mostra a difícil luta de Sumida para tentar conquistar Takaki… Mas os sentimentos que o garoto nutre por Akari não o permitem relacionamentos mais afetivos….

E finalmente o terceiro onde é mostrada a fase adulta, mas…(este é nosso porem) é mostrado nesse capitulo uma breve “previa” da vida dos dois e continua com flashes do que ocorreu nesse meio tempo e as pessoas em volta de ambos.

Ok mesmo eu esperava algo mais majestoso… Ou ao menos mais detalhado no quesito historia, já que a obra foi tão perfeita em seu “ritmo” nos capítulos anteriores… Mas ainda assim nesses flashes a musica ao fundo foi o encaixe necessário para fechar com chave de ouro, ao decorrer dos flashes a musica One More Time, One More Chance, cantada por Masayoshi Yamazaki consegue retratar bem o que os dois sentiram ao decorrer dos anos.

Considerações Finais:

Byousoku 5 Centimeter obra certa pra quem adora o “romantismo” (como esse que vos escreve -.-‘), pois amar alguém por tanto tempo é algo considerado por mim fantástico mais ainda pela idade em que esse amor começou e , mesmo com a “opção” de começar um novo amor se manter preso aos sentimentos…isso é claro que esse amor é valido desde que se trabalhe por esse amor e que se tome iniciativas por ele.

Romântica e principalmente realista, pois o desfecho para o romance foi nada mais nada menos que… Realista (contar mais que isso seria dizer o fim para vocês…. isso é, se eu já não disse -.-‘)

No mais Byousoku 5 Centimeter é fantástico assim como outras obras de Makoto Shinkai a qual sou muito fã (ei de comentar elas aqui), tanto em historia, design (*o*) e trilha sonora…simplesmente não peca em nada (ou quase).

Vocês podem baixar os capítulos pelo Eternal Animes Fansub grupo pela qual tenho muito respeito e fazem um trabalho sensacional……
É isso, pra próximos posts continuo com meus favoritos e esse foi o #EuRecomendo….

Ano Natsu Matteru # Primeira Impressão

Yo!!!

Pra começar bem com o Blog resolvi postar as minhas primeiras impressões sobre o Anime “ Ano Natsu Matteru.

Antes de tudo devo ressaltar que Ano Natsu conta com a colaboração entre Yousuke Kuroda o criador de Onegai Teacher e Honey e Clover e Tatsuyuki Nagai o criador de Toradora! e AnoHana, fato que por si só já faz o anime merecedor de ser assistido.

Ano Natsu começa com um monologo de nosso protagonista, Kirishima Kaito, enquanto testa sua nova filmadora em cima de uma ponte, até o momento que vê um objeto cair do céu e num grande clarão é arremessando de cima da ponte, Kaito acorda na manhã seguinte sem lembranças do ocorrido (Kaito mora sozinho com sua irmã mais velha, Kirishima Nanami). Na escola Kaito se interessa por uma linda garota de cabelos vermelhos recém chegada, Takatsuki Ichika, ao perceber o interesse, o galanteador Ishigaki Tetsurou, amigo de Kaito, dá um jeito de aproximar os dois usando como desculpa o sonho de Kaito de gravar de um filme, onde é claro ela participaria, incrivelmente ela aceita ao mesmo sua colega de classe Yamano Remon juntamente a outras duas colegas de Kaito,  Kitahara Mio e Tanigawa Kanna também decidem participar do filme.

A desenvoltura do episodio chega a ser acelerada, mas nem por isso confusa, já nesse primeiro episodio a serie deixa bem explicito a que veio, isso sem contar seu belo design que não deixa nada a desejar.

Sem mais delongas ((Pode Conter Spoiller)) quando fiquei sabendo da serie e do combo maravilhoso dos produtores esperava algo mais parecido com “AnoHana” ( o titulo da serie e o autor dão essa falsa impressão), qual for minha surpresa em momentos do episodio parecer estar revendo Onegai Teacher, nesse momento você deve estar pensando “Quanto exagero, um clichezinho ou outro vemos em toda serie”. Ok um monologo, um objeto cai do céu, a perda de memória do protagonista e uma beldade recém chegada, não é o bastante? E que tal uma Lolita misteriosa?

Morino Ichigo: Onegai teacher

 X

Yamano Remon: Ano Natsu

-“Ta bom, Ta bom, mas lolitas são mais comuns que Tsunderes hoje em dia” – Sem sombra de duvida, mas….. alguém se Lembra da Marie?

Marie: Onegai Teacher

X

Yno: Ano Natsu

– “Ok Me convenceu, isso quer dizer que não devo assistir a serie?”- Muito pelo contrario apesar de todas essas referencias a Onegai Teacher, não acho que seja o fim para Ano Natsu, creio que até por a desenvoltura deste primeiro episodio tenha sido do jeito que foi que continuarei a assistir firme e forte, a sensação de nostalgia ao ver o episodio não me deixou nem um pouco desconfortável, tanto por que Onegai foi um marco pra mim, ele deu inicio a “Minha Vida Otaku” propriamente dita sendo o primeiro anime que baixei e assisti inteiramente no computador. No mais Ano Natsu promete ser uma das melhores series da temporada continuarei a assistir e postarei meus relatos aqui. ^ . ^

Imagens do Anime:


Proxima postagem provavelmente primeiro projeto como Fansub :B